Séries 

Patty Jenkins – Realizadora de «Wonder Woman», e sequela, irá criar séries exclusivas para a Netflix

Segundo o Deadline, a cineasta Patty Jenkins acaba de assinar um contrato plurianual de cerca de 10 milhões de dólares com a Netflix.

O acordo de três anos exige a criação exclusiva de apenas conteúdo televisivo para o serviço de streaming, com Jenkins a produzir, escrever e possivelmente realizar os projetos. No entanto, não foram reveladas em quantas séries a realizadora estará envolvida.

“Estamos entusiasmados em dar as boas-vindas à Patty Jenkins.”, disse Channing Dungey, o diretor executivo de séries originais da Netflix. “O seu trabalho inovador quebrou barreiras e ela, com a sua confiança, conta histórias que deixam marcas inesquecíveis. Estamos ansiosos para receber as suas ideias e ajudá-la a torná-las realidade.”, completou.

Jenkins, que é conhecida por ser a realizadora do filme da DC, Mulher-Maravilha (2017), disse sobre o acordo: “Estou muito entusiasmada em embarcar nesta grande jornada de criar um novo mundo de televisão com uma companhia e grupo de pessoas nas quais admiro (…) Estou ansiosa para começar a trabalhar.”

A cineasta começou a sua carreira em Hollywood com a longa-metragem Monster (2003), na qual rendeu o Óscar de “Melhor Atriz” a Charlize Theron. Também passou por séries como Arrested Development (2003-), Entourage (2004-2011), The Killing (2011-2014), e recentemente I Am the Night (2019).

Atualmente, Jenkins está a preparar Wonder Woman 1984, a sequela do filme de 2017 que voltará a ter a atriz Gal Gadot no papel da super-heroína da DC. A estreia está marcada para Junho de 2020, nos cinemas.

Related posts