Filmes Marvel 

Spider-Man – “A porta está fechada”, diz presidente da Sony sobre a parceria com a Disney/Marvel

Numa entrevista com o Variety, Tony Vinciquerra, o presidente da Sony Pictures, foi questionado sobre o fim da parceria com a Disney/Marvel Studios, na qual envolvia a partilha do personagem Homem-Aranha.

“Atualmente, as postas estão fechadas.”, disse o executivo, sobre um novo acordo entre ambos os estúdios. No entanto, não desconsiderou a ideia de, no futuro, as coisas poderem mudar.

Com toda a controvérsia nas redes sociais, Vinciquerra ainda garantiu aos fãs do super-herói que a Sony Pictures é competente o suficiente para trabalhar sozinha na franquia, citando a premiada animação Spider-Man: Into the Spider-Verse e a série The Boys (na qual produz para a Amazon), como provas das suas capacidades.

Por fim, o executivo confirmou que a indisponibilidade de Kevin Feige, o presidente da Marvel Studios, foi um dos fatores para as negociações terem terminado. Porém, garantiu que Feige não foi o único responsável pelo sucesso dos dois primeiros filmes protagonizados por Tom Holland:

“Tivemos um grande percurso com Feige nos filmes do Homem-Aranha. Tentámos ver se havia uma forma de resolver isto… O pessoal da Marvel é excelente, temos um grande respeito por eles, mas por outro lado também temos excelentes pessoas do nosso lado. O Kevin não fez todo o trabalho.”, disse Vinciquerra.

Este drama todo faz parte de uma discórdia entre a Sony e Disney sobre o financiamento e a repartição das receitas dos futuros filmes do personagem. Tal situação que obrigou ao cancelamento da parceria entre ambos os estúdios, o que impede o envolvimento do Homem-Aranha no Universo Cinematográfico da Marvel (MCU) – ler mais.

Contudo, a Sony já está a planear mais dois filmes do herói, com Holland de regresso ao papel. Agora, está previsto que o Spider-Man seja integrado no próprio universo da Sony, o chamado Universo de Personagens Marvel da Sony (SUMC), onde se situam filmes como Venom e o futuro Morbius.

Embora o Homem-Aranha tecnicamente ainda exista dentro do MCU, as suas próximas aventuras a solo não irão poder fazer referências aos filmes da Marvel Studios, nem a Marvel poderá mencionar o aranhiço.

A Sony é a detentora dos direitos do personagem em cinema desde os anos 90, onde a Marvel Comics vendeu o aranhiço, e mais alguns outros personagens, para evitar falência. Após duas franquias live-action, a Sony voltou a dar reboot ao Homem-Aranha e decidiu então criar uma colaboração com a Disney/Marvel Studios para colocar o herói no Universo Cinematográfico desta (MCU).

Até então, Holland já deu vida a esta versão do personagem em cinco filmes, dois solo (produzidos pela Sony e Marvel): Spider-Man: Homecoming (2017) e Spider-Man: Far From Home (2019); e três participações em produções apenas da Marvel, que foi iniciada com Captain America: Civil War (2016), e passou por Avengers: Infinity War (2018) e Avengers: Endgame (2019).

Related posts