Filmes 

Night of the Living Dead – Clássico de 1968 poderá ganhar sequela direta, pela mesma equipa criativa

Sendo que este ano marca o 50º aniversário do clássico de terror Night of the Living Dead, realizado pelo falecido George A. Romero, qual será a melhor maneira de festejar meio século? Uma sequela?

Pelos vistos, será esse o caso. Já que segundo informações avançadas pelo Bloody-Disgusting, a produtora Living Dead Media, está a trabalhar numa sequela direta, e que inclusive poderá estrear já no próximo ano.

O site revelou um comunicado, alegadamente feito pela própria produtora:

“«Night of the Living Dead» trouxe os zombies para as grandes ecrãs pela primeira vez, em 1968. O mundo não estava preparado para os monstros famintos do filme, resultando num sucesso inovador e comercial. Continua como um dos filmes de terror mais influentes e reverenciados de todos os tempos e agora está na Biblioteca do Congresso e no Museu de Arte Moderna pelo seu significado cultural. Com argumento de John A. Russo e realização de George A. Romero, «Night of the Living Dead» criou as bases para os cinco filmes da franquia (…) popularizando os mortos-vivos que comem cérebros e definindo o género da comédia e terror…”

“A história e a posição de destaque de «Night of the Living Dead» é conhecido pela maior parte dos fãs de terror e pessoas ao redor do mundo. Mas, o que muitos não sabem é que, nos anos 70, os escritores e produtores originais escreveram uma sequela para essa obra-prima. A sequela inexplicavelmente nunca foi produzida nos últimos 40 anos – até agora. A Living Dead Media removeu a poeira dessa incrível continuação e construiu uma ótima equipa para produzir o novo filme.”

Intitulado em Portugal de A Noite dos Mortos Vivos, a produção de 1968 acompanha uma experiência nuclear, que faz os mortos levantarem-se das suas campas, regressando com sede de sangue humano e travando uma batalha pela sobrevivência entre os vivos e os mortos!… As suas vítimas rapidamente se juntam a este exército mortal. Para tentarem não serem transformados em jantar dos mortos-vivos, um grupo de indivíduos refugia-se numa velha quinta.

Após o sucesso do clássico, os criadores George A. Romero John A. Russo separaram-se após um desacordo sobre como seria continuada a franquia. E sendo que os direitos eram domínio publico, cada um criou a sua própria saga de filmes.

Romero criou mais cinco sequelas – a chamada franquia Dead, nas quais realizou, porém nunca foram consideradas continuações do filme de 1968, sendo que não continham o elenco do original. Já Russo criou a franquia Living Dead, também com cinco filmes.

Related posts