Filmes 

Bryan Singer comenta sobre ser acusado de violar sexualmente adolescente de 17 anos, em 2003

Segundo o site Variety, Bryan Singer está a ser processado por violar sexualmente um adolescente de 17 anos, em 2003.

O site afirma que o caso teria ocorrido em 2003, quando Cesar Sanchez-Guzman revela ter sido forçado a fazer sexo oral ao realizador. Segundo o processo, aberto na cidade de Seattle, Singer também teria feito sexo oral e anal à força ao rapaz. Depois do ocorrido, Singer teria dito que era produtor e poderia ajudá-lo na sua carreira como ator se ele não revelasse nada sobre o ocorrido.

O processo foi aberto alguns dias após o despedimento de Singer de Bohemian Rhapsody, filme biográfico da banda Queen. O realizador alegou que a FOX o despediu devido a pedir um tempo para resolver problemas familiares – ler mais.

O realizador numa entrevista ao site TMZ, afirmou que o despedimento não teve nada haver com as acusações de violação sexual: “O que estúdio fez foi incerto e vergonhoso… Eventualmente isso acabou por me prejudicar e eu não conseguia fazer o meu melhor ou extrair o melhor dos meus colegas. Eu precisava de um descanso [por causa de problemas de saúde] e ao invés disso eu fui simplesmente despedido. Foi isso que aconteceu.” Num comunicado oficial, o porta-voz do realizador também negou qualquer envolvimento com o rapaz.

Segundo o site The WrapDexter Fletcher irá substituir o realizador Bryan Singer na realização de Bohemian Rhapsody ler mais, que tem data prevista para Dezembro de 2018 nos cinemas.

Related posts